Instituto Brasileiro de Museus

Museus Ibram Goiás

Museu das Bandeiras

O Museu das Bandeiras está sediado no antigo edifício construído para ser utilizado como Câmara e Cadeia construída em 1766 na antiga Vila Boa de Goyaz. Sua nova função foi dada em 1949, mas aberto ao público somente em 1954. Possui uma construção de 225m² em um lote 1060,8m². Ao todo são mais de 500 objetos museológicos preservados pela instituição.


Seu acervo é composto por objetos significativos da presença negra, indígena e portuguesa em Goiás. Inicialmente, foi constituído por documentos do arquivo documental da Delegacia Fiscal do Tesouro Nacional em Goiás e pelo mobiliário já pertencente ao edifício. Segundo o plano museológico, o acervo é composto por 573 peças, entre eles, objetos de arte sacra, mobiliário, vestuário, armamentos, utensílios e outros, confeccionados em estilos, técnicas e épocas diversas (MUBAN, 2009, p. 2-3).

Missão

O  Museu das Bandeiras – MUBAN tem como missão preservar, pesquisar e comunicar a memória nacional relativa à ocupação na região Centro-oeste do Brasil, enfatizando as contribuições dos diversos segmentos étnico-sociais presentes neste processo, visando a universalidade do acesso, a sustentabilidade cultural, social, econômica e ambiental, e contribuir para o desenvolvimento do país, por meio da promoção da inclusão social,  da igualdade racial e de gênero, da valorização da diversidade cultural e sexual; e do respeito aos direitos e à dignidade humana.